Adquira seu livro aqui!

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Bom dia Boechat!!!

band.com.br

É assim que amanheço nos dias de semana, com meu despertador sintonizado na Band por causa do programa do Boechat.

Outro dia, comecei a observar o que fazia do Boechat tamanha unanimidade. É, porque se existe alguma coisa que parece agradar a todos os cariocas, além do sol, é o programa matinal da Band apresentado por Ricardo Boechat.

Comecei então, por causa da minha observação, a indagar as pessoas que eu surpreendia ouvindo o programa. 
O primeiro a ser bisbilhotado foi meu marido, que tem o telefone da Band em seu celular. Qualquer problema no trânsito, é o primeiro a ligar e a comunicar à Band. Ele, o marido, além de informar, também dá sua opinião quando solicitada. E não fica só aí, ainda acompanha o jornal da noite, mas isso já é outra conversa.

Semana passada, entrando num taxi, indo para uma consulta em Copacabana, perguntei ao taxista o porquê de estar ouvindo o Boechat. Ele respondeu que era porque o apresentador em questão era povão.

Eu retruquei:

 - Povão não seria um programa como aquele do Wagner Montes da televisão? Ou mesmo o do Ratinho?

Ele disse que sim, mas afirmou que Boechat era um povão diferente, porque era elegante e inteligente, e que o povo gosta disso, além de tratar a todos com dignidade e respeito.

No mesmo dia, lembrei-me que, uns 10 meses atrás, havia sido surpreendida com minha antiga auxiliar, que só ouvia músicas gospel, acompanhando o programa do Boechat, e que na ocasião, por ter achado inusitado, acabei perguntado:

- O que houve? Não vai escutar suas músicas?

E ela respondeu:

- É que tá tendo um problema no trem lá perto de onde moro, e com certeza o Boechat vai falar disso. Eu preciso saber como vão ficar as coisas para hora de ir embora. Eu sabia que ela estava certa. Não demorou muito ela me chamou para escutar a reportagem e ainda acrescentou:

- Eu não disse?

Depois disso, foram vários os episódios em que ela havia abandonado suas músicas para dar atenção às opiniões do Boechat.

Ontem, entrando no elevador no centro da cidade, o ascensorista que comentava sobre o trágico episódio dos desmoronamentos dos prédios, emitiu sua opinião, afirmando ter ouvido um especialista que fora entrevistado pelo Boechat.

E fui lembrando de vários depoimentos até então ouvidos no mercado, shopping, sala de espera do dentista, na barraquinha de refrigerante da praia, etc e tal.

Pronto, já tinha material suficiente para tirar minhas conclusões.

Talvez eu vá ser um pouco redundante daqui pra frente, mas falar do que agrada no apresentador em questão é falar de bom gosto, sensibilidade e a capacidade de tratar, desde a companheira de um preso que tem dificuldades com suas visitas, até o presidente de uma multinacional, com a mesma atenção, consideração e respeito. E isso já bastaria para deixar qualquer pessoa feliz. Mas, além disso, ele tem a coragem de botar o dedo no olho de quem estamos querendo executar. De falar o que está errado, sem ter medo de ser odiado pelos seus opositores. Nós, meros mortais, sem nenhum acesso a canais que deveriam nos proteger e que muitas vezes nem sequer ouvem nossas queixas, encontramos nele, no apresentador, um ombro que apoia, escuta e que também reivindica a nosso favor, fazendo com que tenhamos esperança em ver alguma coisa mudar.

E para não me alongar muito, existe ainda o fato de ele dar a mão à palmatória quando está errado, a meu ver, uma das suas maiores qualidades. Num país onde a soberba dos poderosos impera, uma pessoa publica reconhecer seus erros é quase uma utopia.

É por isso que, todas as manhãs, eu e inúmeros cariocas acordamos dando bom dia ao Boechat, porque ouvindo o programa vamos ter sempre a sensação de que há alguém do outro lado, porém perto, não só nos ajudando, mas também fazendo com que sejamos mais participantes da vida política e social do nosso país. Posso afirmar com segurança, com quem tem conhecimento de causa, que ele faz papel de educador.

Para a conversa não ficar tão séria, por que não acrescentar que sua elegância está por dentro e por fora? Pois é, se é verdade que, segundo a frase, "O coração alegre aformoseia o rosto", pode ser, sim, que sua elegância exterior seja reflexo das suas atitudes. É, creio que seja mesmo.

Sem mais, só me resta dizer que vamos “tocando o barco”, dando sempre Bom dia ao Boechat!!!

9 comentários:

Voz do povo disse...

Parabéns pelo blog, e Boechat é fantástico, elegante e polido em suas informações. depois visita o blog A Voz do Povo.

Fabíola disse...

Antes de ter TV no carro eu escutava CBN... e só me irritava com os comentários sobre economia da Mirian Leitão.. rsrs... fora isso gostava (e ainda gosto) da CBN... Mas me senti até um peixe fora d'agua agora, uma carioca q não escuta Boechat! ;)
Qq hora dessas vou sintonizar na Band para ver "qual é"... ;)

Bjs,
Fabíola

Voz do povo disse...

Teu blog estou adicionando tanto no blogroll como nos sites favoritos, segue-me via twitter @VozdoPovo3 assim fica mais fácil acompanhar um ao outro, forte abraço a ti, tua família e teus leitores.

Cadinho RoCo disse...

Gosto do desempenho do Boechat, muito embora entenda que em alguns momentos ele emite opiniões que discordo frontalmente. Mas ele é, sem dúvida, um grande profissional.
Cadinho RoCo

Anônimo disse...

Legal esse post, pois não sabia desse programa matinal do Boechat ! Gosto muito da forma como ele expõe os fatos.
Bjs, Mônica.

Anônimo disse...

Boechat expoe muito bem os fatos gostei do "Nao cumpra governador" foi otimo!!!

®ê Werneck disse...

Poxa ... quase uma transmissão de pensamento !

Eu não tenho TV a cabo em casa. Quando ocorreram os desmoronamentos, acompanhei apenas o Jornal da Globo.

Só que no dia seguinte eu queria mais informação. Do que me lembrei ? do Band News com o Boechat ! E daí veio seu post :) Incrível, né ?

Tinha o costume de ouvir porque acho mais light que a CBN. Daí parei pra voltar a ouvir música mesmo. Tem dias que a gente precisa de música né ?

Enfim, adorei tanto a cobertura dele que voltei a ter o hábito de acomapanhar todos os dias o programa vindo pro trabalho !!!

Bjuuuu

Sandra Portugal disse...

Bem aqui em casa Boechat é unanimidade!
Eu gosto dele porque é honesto, sincero, dedicado à sua profissão, trabalha de sol-a-sol - de dia e de noite!
Meu marido também tem o celular do Boechat na agenda e liga sempre, manda email,etc.
Aqui em casa todos dizem que Boechat é ebst friend do maridão, tamanha a intimidade!! srsrsr
Gosto dele especialmente porque é Niteroiense rsrssr e representa muito bem a causa não só de Niterói, quanto do Rio, de São Paulo e de outras cidades brasileiras. Ele nos representa em nossos anseios, tem coragem, e nos ouve!
Excelente matéria!
bjs Sandra
http://projetandopessoas.blogspot.com//

Dany Martins disse...

Ricardo Boechat é o melhor jornalista do Brasil. Ele emite suas opiniões sem temer nada e nem ninguém. E mesmo sendo sério não deixa de lado a o bom humor. É uma delícia acompanhá-lo todas as manhãs.

Postar um comentário

O Clube do Salto: Bom dia Boechat!!! - 2011 Theme by Kali Vieira